Karyn Mattos, a estilista hiper fashion da MYK Resort Wear

Who’s That Girl: Karyn Mattos, a estilista hiper fashion da MYK Atelier

Eu sempre tive muita sorte de cruzar nessa vida com pessoas muito legais e especiais. A Karyn é uma delas, da época da faculdade de moda em BC. Uma menina conceitual, com ideias inovadoras e dedicada.

E mesmo não sendo bff’s, sempre mantivemos contato e apreciação pelo trabalho uma da outra. Por isso, convidar a Karyn para participar da Who’s That Girl era primordial, até para vocês conhecerem a MYK Atelier e a arte que essa menina cria.

1. Como começou sua relação com a moda?

Muito cedo! Nem sei direito quando, porque nunca imaginei fazer outra coisa. Sei que sempre me vesti diferente das outras pessoas e fazia coisas doidas no cabelo, hehe. Sempre gostei de experimentar no visual, coisas que eu visse em um ou outro lugar, seja rua, viagens ou meios de comunicação.

Lembro que usava gravatas do meu pai como cintos, aos 12-14 anos, coisas do gênero. Depois quando tive de escolher mesmo um caminho, foi meio que automático escolher a faculdade de moda (que até foi onde conheci a Aninha maravilhosa da AZ). Depois meu sonho era estudar fora e fiquei um tempo em Londres fazendo London College of Fashion. E aí a convivência com os ingleses, me fez ter certeza que esse caminho era mesmo minha essência (hahaha pouco se achando ela, se auto comparando com os ingleses kkkkk).

2. A partir de que momento tomou a decisão de empreender?

Brinco que tudo na minha vida foi “going with the flow”. Eu nunca projetei muito isso no sentido de: onde eu quero estar em 5-10 anos”. Depois da experiência na industria, algumas coisas como a produção exagerada em massa começaram a me incomodar um pouco, e aí busquei o coaching pra encontrar alternativas pra essas minhas inquietações. Foi paralelo a isso que surgiu a oportunidade de empreender. Mas, acho que o empreendedorismo me escolheu meio na marra, porque meio que fui fazendo o que o coração ia mandando. E isso por um lado é bom, mas por outro, não recomendo. Melhor, quando se lida com negócios, ser mais racional.

Até hoje é meio surreal pra mim, ver que levo uma empresa sozinha com funcionários e estrutura física real, mas 2018 foi meio o ano da virada neste quesito, pois até então eu tinha uma sócia que fazia a parte administrativa e comercial e depois de maio do ano passado em que ela saiu da empresa, me deparei com a Karyn empreendedora mesmo, fazendo tudo, inclusive, claro, as partes que antes eram divididas.

Virei vendedora, estilista, comercial, marketing, financeiro, isso é normal pra um empreendedor, mas muito desta parte que não era criação eprodução efetivamente, não era o meu forte. Por isso que digo que foi meio com o flow no início, eu não estava totalmente consciente do que estava acontecendo. É difícil explicar, mas só hoje eu percebo o quão importante é você estar presente e consciente no seu negócio. É um despertar que não tem preço!

Karyn Mattos, a estilista hiper fashion da MYK Resort Wear

3. De onde surgiu criar a Myk?

Com 17 anos fui pro Marrocos e me apaixonei pela indumentária. Depois de um tempo passei a fazer kaftans por encomenda e assim o fiz por pelo menos 4 anos antes de a MYK começar formalmente. Neste meio tempo, era um hobby pois trabalhava na indústria. Era meio que uma válvula de escape pra colocar a mão na massa porque eu trabalhava com teoria, com pesquisa de tendencias.

Fiquei na Malwee por 9 anos antes de abrir a MYK e a ideia surgiu junto com minha ex-sócia que na época precisava de kaftans para vender em sua loja. Foi assim, da noite pro dia, literalmente: pedi demissão e em 30 dias do tempo do meu aviso prévio, mais um mês, construímos a MYK. Ela veio da inspiração resort/étnica dos kaftans que eu já fazia e depois, com este conceito, foi sendo ampliado o mix.

Hoje é uma marca que faz vários tipos de produtos, mas com o DNA bem definido e estampas exclusivas. Agora a estou adaptando pra um estilo que mescle o minimalismo que amo com o vintage e o étnico.

4. Você é responsável por que departamento dentro da Myk?

Cuido de tudo, mas graças a Deus tenho muito apoio da minha família e uma equipe maravilhosa. Com uma assistente, duas costureiras internas, uma pessoa incrível me ajudando com o financeiro e uma dupla freela de marketing, principalmente para redes sociais. Sem ajuda nada é possível!

5. O que você mais ama e detesta do seu trabalho?

O que mais amo?! Difícil! Amo tudo. Minhas clientes e funcionárias, o atelier, a casa que fica o atelier, a loja que fica nesta casa, a parceria com diferentes designers e as relações que vão se formando com o trabalho, como as com os fornecedores e multimarcas que apoiam muito a MYK desde o começo. Mas o que mais amo mesmo é o processo de pesquisa e criação e, principalmente a escolha da história de cada coleção. E aí as matérias-primas, estampas e cores pra contar essa história. Gosto muito do processo de styling que forma looks e diferentes possibilidades pra usar uma peça ou outra.

O que não gosto, que já está melhorando, mas ainda existe. É a pouca abertura que marcas novas são recebidas no Brasil. Acredito que o mercado já esteja se abrindo um pouco mais para as novas ideias, que não sejam só a tendência massificada, mas o processo ainda é lento.

Karyn Mattos, a estilista hiper fashion da MYK Resort Wear

6. Liste 3 sites de onde você busca inspiração?

Era a louca do WGSN quando ainda tinha acesso, mas agora fuço bastante o insta deles e o Pinterest, o site da Vogue internacional: Vogue Runway com todos os desfiles e editoriais online, o Fashion Gone Rogue e o da revista Kinfolk.

7. Quais são as 5 músicas que fazem de você ser mais produtiva?

Uau! Essa é difícil. Ultimamente: Dont stop me now do Queen, No Roots da Alice Merton, Clap your Hands do Solomun, Bad Girls da MIA, Nothing breaks like a Heart da Miley Cyrus (haha pode me julgar!)

Ouça a playlist AQUI!

8. Qual é o seu look chave para o trabalho?

Não tenho muita regra, mas: calça alfaiataria meio jogging de cintura alta, converse velho preto de cano alto, tshirt branca oversized e blazer boyfriend. Ou nesse calor, kaftan com tênis.

9. Qual sua dica de ouro para quem quer abrir um negócio?

Dedique-se MUITO e trabalhe muito em cima de sua ideia, mas sem ser muito preciosista. Às vezes fazer imperfeito, mas fazer é melhor que demorar muito pra fazer perfeito. Esteja presente, acredite em si e no seu real propósito, mas sempre ouça os mais velhos ou os com mais experiência que você. Eles dificilmente estão errados.

Inove baseando-se no equilíbrio entre suas ideias e os conselhos de quem já viveu mais tempo na “selva” dos negócios.

10. Quais seus próximos passos com Myk?

Próximo passo: inaugurar o e-commerce (se tudo correr como planejado, até fevereiro está aí!), fazer as fotos do inverno 19 num conceito novo para a marca. Estou super empolgada com as referências novas, até então só fazia lookbook e agora teremos conceito também.

E ainda tenho outros próximos passos/objetivos, que é visitar e conquistar mais clientes multimarcas e em 2019 chegar á SP em uma multimarcas bacana.

11. Indique 2 livros para quem quer empreender?

A moda imita a vida” do Carvalhal e o “Rebeldes tem asas” que conta a historia da Reserva, maravilhoso!

12. Quais foram suas últimas aquisições fashion?

Ganhei o loafer clássico da Gucci que já estava namorando há bastante tempo e comprei óculos com lentes coloridas: azul pequenininho redondinho e um maior com lente amarela, ambos na Optik de BC. 😉

Karyn Mattos, a estilista hiper fashion da MYK Resort Wear

13. Uma frase que te inspira?

“Criatividade é a inteligência se divertindo”, do Einstein. 😉

Conheça também “Who’s That Girl: Marcela Nomura, a mom boss da Antônia Handbags”

O que acharam da Karyn #girlboss? Super criativa e inspiradora, não é mesmo? Amo trazer meninas-mulheres que se destacam fazendo o que acreditam. É saber que tudo é possível!

Aqui os contatos da Karyn, da MYK, rs!

@mykresortwear

Até a próxima e me mandem alguém que vocês queiram conhecer!

Beijos, Ana!

POST A COMMENT